A medição mais eficaz é realizada através de GPS, marcando as coordenadas do ponto de captação da água e do ponto instalação da MCH. A diferença entre as duas coordenadas aponta o desnível em metros, do potencial hídrico que poderá ser transformado em energia.